domingo, 16 de novembro de 2014

Choroso e sofrido

Lavando a alma. | Foto: Diego Vara /Agência RBS
Os questionamentos começam quando um zagueiro entra no jogo para marcar, não seu adversário, mas sim um gol. Percebemos os problemas quando um defensor sai de trás para executar a função dos atacantes. E assustador se torna quando o zagueiro que marca o golaço se chama Paulão.

Curta nossa fanpage!