quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

O que se espera é futebol

Alegria, alegria, 2015 chegou! | Foto: Alexandre Lops
O Inter de 2015 começou mexendo com meus cinco sentidos adormecidos nesses quatro anos. As contratações, as palavras e ações estão moldando o time que eu desejo ver, enfim, campeão de algo importante. Reitero minha decepção com muitos colorados que se colocaram ao lado de Giovanni Luigi, o chamando de "grande presidente" (isso mesmo, sem sarcasmo) devido à reforma do Beira-Rio. Sim, o ato foi grande e corajoso, mas como presidente de um grande clube fez muito menos do que poderia. Luigi não foi nem um bom presidente, se apegou a um único projeto grande e fez apenas isso em dois biênios de gestão. Não temo, persisto que um clube de futebol precisa ter um bom time de futebol e isso nós não tivemos durante o tempo que ele esteve à frente do clube. Alguns colorados foram hipócritas sim.

Curta nossa fanpage!